Sorteio do Nota Paraná premia Apaes de Arapongas e Terra Rica

A Apae de Terra Rica, vencedora do prêmio de R$ 20 mil, atende 105 pessoas por dia

Por Ademir Zilio 26/11/2017 - 10:43 hs
Foto: DIVULGAÇÃO

Mais duas entidades são premiadas pelo Programa Nota Paraná. No sorteio de novembro, as Apaes de Arapongas (Norte) e de Terra Rica (Noroeste) receberam dois dos três maiores prêmios. A de Arapongas foi a grande vencedora, ganhando R$ 50 mil. A Apae de Terra Rica foi contemplada com R$ 20 mil. A dona de casa Leila Lilian Hass Schebeski, de Ponta Grossa, ganhou R$ 30 mil.

O ganhador do prêmio de R$ 120 mil do sorteio de outubro, Renato Augusto do Reis, que não pôde comparecer à entrega no mês passado, também recebeu seu cheque nesta solenidade.

Ganhadores

Inscrita no programa desde março do ano passado, a Apae de Arapongas já arrecadou mais de R$ 330 mil entre premiações e créditos do Nota Paraná. Os recursos têm sido essenciais para a manutenção do atendimento diário aos 380 alunos entre zero e 60 anos de idade atendidos pela instituição, fundada em 1969.

Segundo Pedro Paulo Bazana, presidente da entidade, o valor de R$ 50 mil será usado para aquisição de um espaço que funcionará como sala de arte, além da compra de cadeiras de rodas e móveis. Outro destino certo para o recurso será o pagamento de uma cirurgia de visão para uma das alunas.

A Apae de Terra Rica, vencedora do prêmio de R$ 20 mil, atende 105 pessoas por dia. Elas recebem tratamentos de saúde como fonoaudiologia, fisioterapia, odontologia, além de aulas de equoterapia. Cadastrada no Nota Paraná desde abril do ano passado, a entidade tem a parceria do comércio local para captar notas fiscais, em 30 urnas espalhadas pela cidade, e garantir recursos para o pagamento de despesas fixas, como remédio, alimentação e o salário do corpo técnico, além de reformas de emergência. O dinheiro da premiação deve ser usado para pagar o 13º salário dos funcionários, além de garantir a compra de material pedagógico para os pacientes atendidos.

O Natal deste ano da dona de casa Leila Lilian Hass Schebeski, de 60 anos, moradora de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, será comemorado em dobro. O prêmio de R$ 30 mil chegou para coroar o nascimento de mais um neto. A ganhadora, matriarca de uma família de agricultores, foi incentivada pelos três filhos a sempre pedir o CPF na Nota. Quando recebeu a ligação, a princípio, achou que seria um trote. Apenas quando chegou em casa e conferiu o bilhete na internet foi que a desconfiança se transformou em alegria.

O prêmio, segundo Leila, deve garantir um Natal mais farto para a família. O valor que sobrar será guardado. “Vou continuar pedindo o CPF na nota e incentivar as participantes do bazar do clube das mães, do qual faço parte, para que façam o mesmo”, afirmou. “Meu conselho para quem ainda não se cadastrou é que faça isso o mais rápido possível. É um bom programa e um dia, quem sabe, pode ter uma oportunidade como esta”, disse.

IPVA

Outra marca importante registrada em novembro foi o fato de que mais de um milhão de participantes já solicitaram o resgate de créditos. Esse número deve aumentar até o fim do mês, porque os participantes têm até o dia 30 de novembro para destinar os créditos e prêmios acumulados no programa para o pagamento do IPVA de 2018.

É possível efetuar tanto o pagamento total como parcial do IPVA e não há limite de valor a ser utilizado. Para fazer a transferência, o participante do programa deve acessar a conta do Nota Paraná e clicar na aba “minha conta corrente” e no menu “utilização de crédito”. Em seguida, clicar na opção “Transferir crédito para pagamento de IPVA – Exercício 2018” e seguir as instruções.

Para utilização, os créditos deverão estar na conta do Nota Paraná do proprietário do veículo. O CPF cadastrado no Nota Paraná deve ser o mesmo do dono do automóvel. O IPVA de mais de um veículo de um mesmo proprietário pode ser pago com os créditos.

Se o contribuinte optar pelo uso do crédito e não tiver o valor suficiente para quitar integralmente o imposto, a Secretaria de Estado da Fazenda enviará um boleto com a diferença, para que o pagamento seja complementado em 2018. Se a diferença for quitada à vista, será possível aproveitar o desconto de 3% que vai ser oferecido aos contribuintes do IPVA.